Dando a largada

As atividades do cotidiano devem ser um reflexo da alma e não somente o cumprimento de tarefas.

domingo, 10 de outubro de 2010

Às vezes me perco entre as lembranças. Às vezes busco alguma coisa que me dê sorte. Às vezes me procuro no pensamento. Labirinto que me faz perder o norte. Às vezes meus passos levam a um absurdo encontro... Às vezes me acho nele e vou em frente... Estou sempre à procura do sol nascente... Sou daquelas que preferem estar só que em má companhia...

Nenhum comentário:

Postar um comentário